Arquivo da categoria: Olhoterapia Iridologia e Naturopatia

12 DÚVIDAS MAIS COMUNS SOBRE A AVALIAÇÃO DA SAÚDE PELOS OLHOS.

  1. É dolorosa?

De forma alguma! Mesmo ás pessoas sensíveis à luz não sentem dor alguma, pois o aparelho que ilumina, amplia, fotografa e filma as íris não encosta nos olhos e é composto de leds especiais. E mesmo as fotos são tiradas sem flash.

  1. É Necessário Dilatar as pupilas?

Não! Toda a verificação e registro da íris  não necessitam do procedimento de  dilatação pupilar.

  1. Existem contras-indicações?

Não. Este é um procedimento muito simples, seguro e rápido e sem nenhuma radiação.

  1. É preciso remover as lentes de contato?

Não, você pode mantê-las, já que não alteram sinais das suas íris.

  1. Qual a melhor idade?

Aos 7 (sete) anos de idade! Nesta fase, as íris, que são as últimas partes do corpo a se formarem, já estão prontas. Contendo seu registro genético e informações do próprio indivíduo.   Antes disso  não teremos uma avaliação completa. Após os  sete anos,  é possível avaliar a saúde pelos olhos em qualquer idade.

  1. E Após a análise das íris, pupila e esclerótica?

Após cuidadosa análise dos sinais, colorações e morfologia dos olhos teremos diversas informações preciosas das causas, onde se originaram ou até mesmo poderão iniciar desequilíbrios psicoenergéticos, orgânicos e comportamentais que estão causando os efeitos negativos ou que poderão apresentá-los. O Iridologista então fará uma consultoria naturalista, ensinando como você promover sua saúde com mudanças e ajustes em seu estilo de vida, apresentando um aconselhamento terapêutico personalizado (primeiramente alimentar usando-se da trofoterapia,  desintoxicação do organismo, gestão de sono, uso terapêutico da água (hidroterapia) do barro (geoterapia), do sol (helioterapia) da respiração, controle do estresse e reequilíbrio das emoções e outras práticas terapêuticas saudáveis, naturais da Medicina Quântica, Medicina Integrativa e Medicina Tradicional Chinesa.   Você será orientado  a usar dos recursos que mais  vão contribuir para a prevenção, promoção e manutenção   personalizada da sua  saúde.

  1. O que é Iridologia?

A Iridologia é uma Ciência Arte que permite, ao profissional da saúde capacitado, avaliar e alinhar de forma personalizada os desequilíbrios físicos, emocionais e psicoenergéticos na origem de suas causas que são impressas nas íris dos olhos através do sistema nervoso.

  1. Iridologia Tem Alguma Ligação Religiosa?

Não, nenhuma! É uma ciência laica que não tem envolvimentos, nem mesmo em sua origem, com nenhuma religião, doutrina, filosofia, nova era, misticismo, magia, Wicca, espiritualismo, ou qualquer outro credo religioso. Nem depende que profissional da saúde, iridologista seja adepto a nenhuma delas.  Embora tenhamos relatos bíblicos do uso da iridologia e tratamentos naturais, não utilizados práticas religiosas em nenhuma das demais ciências e procedimentos praticados pela Olhoterapia.

Os conhecimentos empregados à estas ciências são humanos, científicos por meio de pesquisas, estudos, experimentos, análises comparativas e outras técnicas estatísticas. Respeitamos todas as pessoas bem como suas crenças e preferências religiosas e trabalhamos para que todos possam de igual modo serem beneficiados sem nenhuma restrição ou preconceito.

  1. O Que é Olhoterapia?

É uma ferramenta de informação e divulgação da saúde natural denominada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) como Medicina Integrativa e incentivada por este órgão. Que se utiliza de ciências milenares que examinam os olhos como a Iridologia, Pupilologia e Escleróticalogia ou Esclerologia, e a morfologia do rosto como a Fisiognomia para avaliar a saúde, analisar e reequilibras os desequilíbrios á partir das causas e não apenas dos efeitos.

  1. Crianças Podem Fazer ?

Sim! Crianças também podem passar por uma avaliação iridológica. É um recurso excelente por não ser indolor, invasivo, radiativo, tóxico e não depender do conhecimento cognitivo para se chegar a um ponto de partida.

  1. Pessoas com Deficiências Intelectuais, Auditivas, de Fala e outras podem ser beneficiadas com a Olhoterapia?

Sim! Os olhos falam por si! Não é necessário investigação por relatos do indivíduo que está sendo analisado. Podendo ser  uma ferramenta de excelente auxílio para a saúde de pessoas com Autismo,Síndrome de Hett, Esclerose Multipla, Alzheimer,  Paralisia Cerebral e outras.

Também contamos com profissionais habilitados fluentes em LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) para atender e orientar a comunidade surda com a dignidade e respeito.

  1. O que É Tratamento Holístico?

Simplesmente uma forma de ver, avaliar e tratar o organismo como um todo. A palavra “holístico”significa “de corpo todo”e não deve ser confundida e nem associada com “misticismo”. Tratamento holístico é entender que o mesmo sangue que passa em nossos pés, passa nos intestinos, no cérebro, no corpo todo e este sangue pode estar levando nutrientes e oxigênio a alguns órgãos e carregando toxinas, acidez e impurezas desses órgãos para outros. É entender que o organismo é como uma máquina complexa que necessita estar em prefeito equilíbrio e sincronismo com todas as suas engrenagens.  Pois o homem é um ser físico, orgânico, emocional, psicoenergético, social e sentimental. Por isso devemos considerar, avaliar e realinhar todas as engrenagens para promover o reequilíbrio.

O grego Hipócrates pai da medicina já olhava nos olhos de seus pacientes e os aconselhava: “Que teu remédio seja o teu alimento, e o teu alimento o teu remédio!”.

Por Ricardo Budim,  Iridologista na Olhoterapia.

Leia também:

6 MINUTOS PARA MUDAR SUA VIDA.

COMO A IRIDOLOGIA PODE ME AJUDAR?

FONTE DA JUVENTUDE, BELEZA E SAÚDE.

IRIDOLOGIA, A CIÊNCIA DA PREVENÇÃO DA SAÚDE.


 

Anúncios

ACIDOSE METABÓLICA É DOENÇA?

A acidose metabólica não é propriamente uma doença mas a acidez excessiva do sangue e dos fluidos corporais. E isto é indício de distúrbios que se não cuidados a tempo, podem vir a causar não apenas uma, mas séries de doenças orgânicas como: diabetes melittus, insuficiência renal, doença diarréica entre outras. Essa acidez pode reduzir o pH do sangue, tornando a respiração mais profunda e rápida (mecanismo pulmonar de tentativa em aumentar a oxigenação no sangue, tentando auxiliar no problema). Uma vez que o corpo concentra esforços em liberar o excesso de ácido no sangue. Além disso, os rins também ficam sob estresse sobrecarregando suas funções já que precisam excretar uma quantidade muito maior de ácido pela urina.

CAUSAS

Diferentes intoxicações e enfermidades podem provocar acidose no organismo. Além das já citadas, também a ingestão de álcool, de paraldeído (usado como sedativo, hipnótico e anestésico), intoxicação por salicilatos (excesso de aspirina) podem também provocar acidose, e elevação de certas substâncias no sangue, como albumina, ácido láctico, cetoácidos, fosfatos,
sulfatos, e uréia. Conforme o problema, poderá ocorrer aumento de um ou mais desses compostos no sangue. Diarréias, fístulas intestinais e pancreáticas, ileostomia, ingestão de ácidos e de medicamentos à base de acetazolamida e sulfamilon podem ocasionar acidose por perda de bicarbonato (HCO3). Os distúrbios respiratórios também podem desencadear acidose, pela má eliminação de gás carbônico.

tdo-que-precisa-saber-dieta-detoxSINTOMAS

Por ser pouco expressivo, na maioria das vezes não apresenta sintomatologia, o indivíduo afetado, acaba complicando ainda mais sua saúde com uma dieta ácida: embutidos, refrigerantes, açucares e práticas que adoecem como: uso de álcool, fumo, drogas, químicas e o sedentarismo. Por não apresentar sintomas inicial, o candidato à doenças tem a falsa crença de possuir uma boa saúde. Os maiores danos costumam apresentar-se a longo prazo.

“QUE O TEU ALIMENTO SEJA O TEU REMÉDIO, E TEU REMÉDIO O TEU ALIMENTO” (Hipócrates, pai da Medicina).

Os alimentos podem ser, no organismo, acidifialimentoscantes ou alcalinizantes, conforme sua reação química. É preciso um balanceamento
para o “equilíbrio ácido-básico” do organismo, precisamos de um cardápio saudável. Uma boa saúde depende do cuidado nas escolhas dos alimentos, de modo que os alcalinizantes predominem em quantidade sobre os acidulantes.

Nem sempre um alimento que em sua forma natural é acido, irá aumentar a acidez metabólica. Muitos alimentos incluindo frutas ácidas produzem no organismo ao serem bem mastigados, digeridos, absorvidos e metabolizados, uma reação básica, essas frutas alcalinizantes são pobres em gorduras e proteínas, ricas em vitaminas e sais minerais e açucares naturais, contribuem para a excreção do ácido e equilíbrio do sangue. E devem estar presentes em nosso cardápio diário.

A saúde começa pela boca, e por ela também podem vir as doenças, é preciso conhecimento e boas escolhas. Pois estamos vivendo num planeta contaminado, bebendo água contaminada, comendo comida contaminada e respirando um ar contaminado, a fábrica de doenças está cada vez mais forte e presente em tudo á nossa volta. È preciso muito empenho para mudar isso de dentro pra fora.

Por Ricardo Budim

 Iriologista na Olhoterapia.

CHLORELLA CONTRA INDICAÇÕES

  • CHLORELLA EFEITOS COLATERAIS:

A alga Chlorella não contem química ou drogas em si que pudessem apresentar algum efeitos colateral. Porém o organismo humano sim, e este ao longo dos anos vai acumulando substâncias tóxicas, ácidos, fermentações, putrefação, amônia, metais pesados, (mercúrio, cádmio e outros), metais tóxicos (alumínio), uma infinidade de substâncias, muitas vezes alojadas em células gordurosas. A Chlorella é um alimento extremamente rico em clorofila, possue uma potente função desintoxicante, desalojando todo esse material tóxico, e este sim, pode ao longo do seu percurso na corrente sanguínea até a excreção, criar alguma reação, este processo é muito conhecida na Medicina Tradicional Chinesa  e denominado como “Crise de Cura”.

Para extrair todos os benefícios da Chlorella e não sofrer efeitos desta crise, é muito simples. deve-se respeitar às dosagens indicadas por seu Iridologista, ele irá analisar pelas íris dos teus olhos esses depósitos de toxinas e orientar qual a sua dosagem inicial segura. O processo gradual lento sempre será a melhor opção para a ingestão da Chlorella, caso não tenha um Terapeuta Naturopatia em sua cidade. Tabletes de 250mg iniciais antes de cada refeição ao invés de 1000mg que é a dosagem recomendada, vai adaptando seu organismo aos poucos e liberando seguramente as toxinas sem despertar qualquer sensação de incômodo. Sempre com a hidratação corporal adequada. A alga necessita de muita água para melhor reidratação e absorção. A cada semana aumente 1 tablete de 250mg a cada refeição até chegar na dosagem terapêutica para sua saúde 1g 3x ao dia.

  • CHLORELLA CONTRA INDICAÇÕES:

Poe seu efeito detox,  como explicado acima, a dosagem terapeutica  da chlorella não deve ser aplicada à pacientes renais crônicos e  paciêntes que fazem uso de hemodiálise. A liberação de toxinas pode sobrecarregar as funções renais deataa pessoas, pois já estão comprometidas. Já o uso de uma dosagem mínima de clorofila, como em saladas é benéfica. Devendo respeitar a qualidade de 125mg (meio tablete) a 250mg (1 tablete) no almoço e jantar.

  1. Pessoas com trombose que fazem uso do medicamento Marevam, não devem usar nenhuma dosagem de Chlorella. pois este tipo de medicamento não deve ser administrado com clorofila. E a Chlorella é a maior fonte de clorofila do planeta.


 Veja também sobre a Chlorella:

Por Ricardo Budim  – Iridologista na Olhoterapia.

MARAVILHAS DA CHLORELLA EM CRIANÇAS

headerBoa nutrição é sinônimo de crianças saudáveis, crescendo fortes e inteligentes. O que nem sempre é uma tarefa fácil para os pais! Muitas crianças passam a ter diversos problemas alimentares, por restringir o cardápio a produtos alimentícios industrializados, com excessos de gordura, açúcar e sódio, ricos em conservantes, corantes e acidulantes, pobres em nutrientes.

Escolhas erradas e nada saudáveis que estão levando nossas crianças ao sofrimento com enfermidades antes só vistas em adultos: hipertensão arterial; doenças cardíacas; obesidade; diabetes; síndrome metabólica; depressão; pânico; ansiedade; hiperatividade cerebral; esteatose hepática; asma e câncer.

c2e19499e6ae8c702fbebeb29af06521Muitos pais acabam contribuindo, por condecorar os filhos com o direito de livre escolha em muitos aspectos que cabem somente a eles. Principalmente quando o resultado afeta direto na saúde. Uma criança de 3 anos, hoje, já quer escolher o que beber e comer, fazendo birras se não conseguem o que e na hora que querem. Muitos pais acabam cedendo, para evitar ao estresse destes verdadeiros shows de horror, principalmente em público.

Temos inúmeros tipos, cores, sabores e odores de alimentos à nossa disposição, e as crianças estão trocando vegetais frescos, frutas, saladas e sucos naturais por produtos de pacotinhos, latinhas, embalados, congelados, fritos ou radiados pelo aparelho de micro-ondas.

Precisamos assumir nossos papéis na alimentação e vida de nossas crianças. Pois para ser saudáveis, com boa capacidade intelectual é necessário alimentos integrais,  as vitaminas, os minerais e ácidos graxos essenciais e clorofila, que seus corpos em crescimento e desenvolvimento precisam ainda mais.

416h8rtzsylÉ por isso que as pessoas precisam conhecer a alga Chlorella, saber que existe mais esta forma natural de prevenir e tratar muitos desequilíbrios na saúde.

Chlorella é um superalimento que não deve substituir uma boa e variada refeição. Mas fazer parte dela. Complementando com o seu perfil nutricional rico em proteína vegetal, vitamina C, vitaminas do complexo B, betacaroteno, ferro, magnésio, ácidos graxos ômega-3, clorofila e ácidos nucléicos, excelente para a dieta das crianças em sua família.

CHLORELLA É BENÉFICA PARA O INTELECTO DAS CRIANÇAS?

Integralmente. Tenho ouvido cada vez mais pais e avôs que dão chlorella a seus filhos e netos, relatarem excelentes resultados de como os pequenos estão mais alertas, ativos, espertos, e se desenvolvendo bem apresentando inclusive melhoras de comportamento.

Certa vez recebi um bilhete de uma professora, agradecendo pelas melhoras comportamentais de um menino sob minhas orientações terapêuticas. Dizia ela, estar perplexa com as maravilhas ocasionadas na atenção, foco e tranquilidade em que aquele aluno, antes rotulado hiperativo, passou a apresentar após uso da Chlorella. Algumas crianças tiveram maior interesse em atividades esportivas, de dança e música. Algumas até retornaram às aulas que antes abandonaram e não demonstravam nenhum interesse.

Por Ricardo Budim

4-happy-children-on-the-field

12 SEGREDOS PARA ACABAR COM OS SINTOMAS DO HORÁRIO DE VERÃO

relog

Trinta países praticam o horário de verão, com o intuito de economizar energia elétrica, aqui no Brasil, os moradores dos estados do  Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o Distrito Federal devem adiantar em uma hora os relógios, estendendo o dia um pouco mais para aproveitar a luz solar, que nesta época do ano é intensa. Esta prática se estende pelo período do verão até a primavera, estações que possuem os dias iluminados mais longos do ano, tendo término no outono, voltando ao horário habitual atrasando os relógios em uma hora.

A ideia não é nova, foi em 1784 que Benjamin Franklin, teve esta ideia a fim de economizar em velas que era o sistema de iluminação da época. Mas foi apenas durante I Guerra Mundial que esta proposta recebeu devida atenção sendo praticada na Inglaterra e Alemanha e desde então diversos países foram aderindo à idéia e trazendo até hoje essa prática.

Mas, esta mudança não é tão simples quanto parece. O fato de se adiantar em uma hora o relógio cronológico, pode provocar sérios efeitos em nosso corpo. Alterando o relógio biológico. Uma grande parte dos brasileiros é sensível a esses efeitos. Tendo em seus organismos alguns incômodos que variam de acordo com o sexo, idade, terreno biológico e até a sensibilidade do sistema glandular e hormonal.

sucesso-da-chlorella-c-botao

O fato de alterar o ciclo das horas não traz de bônus o ajuste do corpo. Dormir uma hora mais cedo nem sempre é fácil, acordar mais cedo parece ser uma tarefa muito difícil e penosa pra muita gente, ainda mais durante os primeiros dias quando não se dorme bem. A Insônia, a diminuição do apetite, a fadiga, o cansaço, o aborrecimento, o mau humor e a sonolência, também podem acompanhar como os sintomas mais comuns, principalmente no período da manhã, que acompanham o dia-a-dia de milhares de trabalhadores.

O organismo humano passa por uma bagunça dando início a um fenômeno conhecido na área médica por “Desordem Temporal Interna” o ritmo de trabalho orgânico sincronizado é rompido saindo da homeostase, que é o equilíbrio necessário para o bem estar. E para se reorganizar demanda de um certo tempo que pode variar de pessoa para pessoa mas que acaba acontecendo a partir de 4 dias.

“Eu não gosto deste horário de verão. Quando o corpo finalmente vai se acostumando, já é hora de voltar ao que era antes, novamente os ponteiros do relógio vão marcar mais do que horas, outra fase penosa de adaptações” Opinou o escritor Welllington Budim de São Paulo, que percebe uma redução em sua criatividade literária, que normalmente está em alta no período noturno.

Os hormônios do sono estão ligados à luz e a escuridão. Nosso cortisol precisa ir baixando junto com o sol, e quando surgem às trevas da noite é a melatonina quem deve governar no sangue, acalmando todos os processos e atividades cerebrais, trazendo calma, relaxamento e o sono.

conjunto-detox-c-botao

Já para outras pessoas, o horário de verão não altera negativamente em nada a sua rotina, acabam por aproveitar essa tempo de claridade a mais para praticar esportes, sair de bicicleta, levar os pets pra passear e até dar aquela geral na casa. Quanta Energia! Pois é, parece que alguns sortudos são abençoados com esses efeitos revigorantes:

 “Eu gosto deste horário de verão. Mexe um pouco com o meu sono mas apenas nos primeiros dias, logo acostumo. Tenho a sensação de que o dia rende mais, de ter mais tempo. E acabo tendo mais facilidade em acordar. Mesmo porque nesta época o calor aumenta e não tem como ficar na cama por muito tempo. O que também gera mais cansaço. Aqui no consultório não tenho problemas com atrasos dos pacientes devido a mudança do horário. Tudo corre dentro da normalidade embora a maioria deles reclama por não gostar e tem mais dificuldade de adaptação. Mas é só, ainda bem, pois nunca apresentaram alteração de humor por conta disso, nem eu.” Observou a Dra. Brena Vaz, Ortodontista em Cotia.

Já a atendente em saúde Jaqueline Faria, de Boa Vista, relata não perceber sintomas: “Aqui fica até difícil perceber alterações pois o calor é forte sempre, e nosso estado de Roraima não tem horário de verão, pois o fuso  já é uma hora de diferença do horário de Brasília, nesta época quando muitos estados aderem ao horário de verão, nossos relógios ficam 2 horas atrasados em relação a São Paulo. Aqui ainda é 16:05 h. enquanto em São Paulo já é 18:05 h. Exemplificou.

E você, sente-se entusiasmado ou estafado com a mudança do horário? Como seu organismo se adapta e quais as dicas que você segue para “entrar nos eixos” rapidamente? Compartilhe conosco, deixe seu comentário aqui no blog.

DICAS PARA SINCRONIZAR OS SEUS RELÓGIOS.

Para sincronizar o seu relógio biológico com o cronológico, pode levar de 4 dias a semanas. Então vou deixar aqui algumas dicas fáceis que podem te ajudar a melhorar a qualidade do sono regulando os hormônios responsáveis por ele.

Foto.jpg

  1. Prepare o quarto tornando o mais escuro possível: isso vale para leds de aparelho de televisão em stand by, abajour, frestas da janela;
  2. Celulares nunca ligados e ao lado da cabeça, suas ondas também podem atrapalhar o sono e um profundo relaxamento e reparação do organismo enquanto repousamos. O ideal seria não ficar no mesmo cômodo, mas como muitos o utilizam como despertador, o mais próximo ao chão possível aos pés da cama;
  3. Um ambiente silencioso, com temperatura agradável ajuda a induzir o sono, cuide disso também;
  4. Não faça exercícios físicos três horas antes de ir pra cama;
  5. Cafeína para os adeptos, até as 17 horas apenas, e em pouca quantidade, pois é estimulante do sistema nervoso central;
  6. Procure se alimentar antes das 19 horas e alimentos de fácil digestão;
  7. Duas horas antes de ir para a cama, coma 2 unidades da fruta kiwi;
  8. Ou coma 1 xícara de cerejas;
  9. Ou ainda, coma 2 unidades de bananas médias;
  10. Ou, durante o jantar coma macarrão integral com molho ao sugo (magro); Pois estes alimentos são ricos em triptofano, precursor da melatonina que é a responsável por realinhar o sono nessas condições de mudanças de fuso horário;
  11. Colocar os pés na água fria por 20 minutos também pode provocar alterações metabólicas, levando o cérebro a concentrar-se em equilibrar a temperatura dos pés, desligando-se de problemas, hiperatividade cerebral, preocupações e proporcionando sensação de calma, tranqüilidade e relaxamento induzindo ao sono;
  12. Ser acordado pela luz da manhã também pode auxiliar na adaptação deste processo. Pois é com a presença da luz percebida por nossas células, que se inicia o processo da produção do cortisol nos tirando do estado de sonolência. 

Siga estas dicas e ajude seu corpo a se adaptar mais rápido e muita saúde!

Por Ricardo Budim

PSICOSSOMÁTICA E METAFÍSICA DA SAÚDE FEMININA: AS MAMAS

PSICOSSOMÁTICA E METAFÍSICA DA SAÚDE FEMININA: AS MAMAS

sist-glandular-saiba-maisPsicossomática: uma ciência interdisciplinar que gera diversas especialidades da medicina e da psicologia, para estudar os efeitos de fatores sociais e psicológicos, sobre processos orgânicos do corpo e sobre o bem-estar das pessoas.

Metafísica: é a capacidade de fornecer um fundamento a todas as ciências particulares, por meio da reflexão a respeito da natureza primacial do ser. Estudando as formas ou leis constitutivas da razão, fundamento de toda especulação a respeito de realidades suprassensíveis.

As doenças surgem por diversos fatores físicos, emocionais e psicológicos. Segundo neurologistas 95% das enfermidades possuem um fundo emocional, e os outros 5% também! Mesmo aquela fratura no dedinho que alguém bateu no canto de algum móvel, tem correlação direta com o nosso emocional.

Carregamos uma genética predisposta e com ela órgãos, sistemas e membros mais frágeis, toda a carga psicoemocional circula em nosso corpo e precisam ser direcionadas, assim como um raio é captado por um aparelho conhecido como o pára-raios e direcionado para a terra, nosso sistema nervoso acaba por agir assim, e muita das vezes as emoções são direcionadas para essas áreas de choque, por serem mais fracas acabam por gerar sintomas e problemas de funcionamento orgânicos.

dieta-detox-c-botao

De acordo à Metafísica da Saúde, na mulher, as mamas são importantes representações da identidade afetiva das mulheres; a ternura; a docilidade; sua feminilidade, o comportamento frente aos entes queridos; a forma de se dedicarem e o prazer em contribuir com a vida do outro expressando seus sentimentos, integram as principais interpretações metafísicas que gostaria apresentar de forma resumida:

Seios fartos: mulheres que participam intensamente na vida do outro; basta gostar de uma pessoa para elas dedicam-se ativa e gratuitamente. Comumente em mulheres com comportamento mais amigáveis e solícitas que não medem esforços para colaborar com o que for necessário.

Seios pequenos: mulheres discretas que preferem manter maior discrição em seus relacionamentos. Consideram a afetividade uma das mais importantes áreas da vida apesar de acabarem controlando de forma mais reprimida suas emoções, chegando a suprimir tais manifestações.

E o procedimento cirúrgico nas mamas? Este eleva a estima das mulheres que procuram esta opção. Passando a se sentir bem consigo mesma, desenvolve maior aceitação e amor próprio.

Cirurgia para o aumento: também pode acordar um senso interno de maior colaboração e aumento da participação e prestatividade em prol das outras pessoas.

Na cirurgia para redução: pode imprimir no comportamento feminino certa ponderação e comedimento, uma espera observatória antes de se dedicar ou intervir.

curso-fito-c-botao

As cirurgias podem sugerir metafisicamente, novas sugestões na maneira de amar e de se relacionar com o meio.

Auréolas mamárias: localizadas nas áreas de mais pigmentos ao redor dos mamilos. Expressam a intensidade de contribuição na vida dos entes queridos. Auréolas mais extensas podem indicar maior participação e companheirismo; são mulheres que se dedicam por inteiro até alcançar os objetivos que lhes foram propostos. Já nas mulheres que costumam incentivar contribuindo para o início de projetos, mas, não são constantes permanecendo firmes em todo o percurso predominam uma menor extensão das auréolas.

Mamilos (papilas mamárias): são projeções formadas por tecido erétil, com aberturas dos ductos mamários, por onde secreta o leite no período de lactação. Representam a disposição em participar afetivamente do meio social em que se está inserida; ter a ver com aquela auto-satisfação quando solicitada a interagir com as pessoas queridas, instigando a colaboração carinhosa. Quanto mais prestativas essas mulheres, maior o tamanho dos mamilos, proporcionalmente quanto menos são, menor também os mamilos serão. Podendo até causar certos incômodos. Também sentimento de auto cobranças, pela necessidade de participar, mas sem possuir o impulso da ação.

logo-iridologia-ricardo-budim

Flacidez: quando surge precocemente, pode indicar perda da sustentação em si e em seu potencial afetivo. Essas mulheres passam a viver em função dos outros, da família e pessoas queridas. Perdem o brilho nos olhos, Deixam de se mobilizarem por seus sentimentos dedicando-se de forma exagerada para agradar sendo úteis, e assim, sentirem-se aceitas. Acabam buscando o reconhecimento pelo que fazem aos outros e não por quem são e pelo que sentem.

Nódulos mamários: frequentemente surgem em mulheres com dificuldades de comunicar e expressar, de interagir nos relacionamentos; quando existem bloqueios na afetividade e no comprometimento da ternura e de comportamentos dóceis.

Nódulos benignos: surgem quando o afeto é reprimido e apresentam certa frieza nas relações com dificuldades de expressar seus sentimentos. Bloqueando a afetividade, formam-se barreiras que dificultam tais envolvimentos; essas mulheres mostram-se indiferentes e demoram para interagir.

Tumores malignos nos seios: situações de negação do afeto e que pode haver significativos bloqueios dos sentimentos. São mulheres firmes que não se rendem fácil às emoções; seguem prioritariamente o norte da razão; são práticas decidem tudo racionalmente e não levam em conta a emoção. Não são dobradas pela afetividade. Os gestos de afeto não as comovem, tornam-se frias, indiferentes ao outro e as questões pertinentes a eles.

Na metafísica a saúde das mamas correlacionam diretamente com a capacidade de entrega e envolvimento afetivo dando e respeitando limites. Sem exageros, estas mulheres participam da vida do outro de forma dedicada e equilibrada. Desenvolvem uma boa autoestima fortalecendo laços amorosos com o seu potencial afetivo sem os excessos. É conquista das mulheres com elevada consciência afetiva, que respeitam os seus sentimentos e os expressam naturalmente.

Quer saber mais a respeito? Leia os cinco volumes da série: Metafísica da Saúde de Val Capelli e Gasparetto impresso pela Vida e Consciência. Os livros possuem excelente conteúdo que inspiraram e contribuíram para este artigo.

baner3-alimentacao-e-brindes

COMO A IRIDOLOGIA PODE ME AJUDAR?

Os olhos são as janelas da alma e o espelho do corpo.

Nosso sistema nervoso registra na íris informações sobre a saúde. Tanto física, quanto emocional e psicológica. Ao analisarmos as íris de um ser podemos ver a predominância e ascendência genética do indivíduo é os órgãos de choque que vieram com ela.

É possível verificar causas de desequilíbrios que estão incomodando ou que ainda não apresentaram sintomas. É observado sistemas, órgãos e seus funcionamentos fisiológicos.

Ao identificar as causas o tratamento aplicado a elas é muito mais eficaz que o aplicado aos efeitos. Por isso as prescrições terapêuticas Iridólogicas são funcionais e personalizadas. Trazendo em pouco tempo melhoras e benefícios à aquele que se utiliza dela para a promoção da saúde.

Por Ricardo Budim Iridologista na Olhoterapia.
ricardo@olhoterapia.com.br

Veja Também: